O que são as Competências Socioemocionais?
Últimos Post
competências socioemocionais

Competências Socioemocionais: quais são elas?

As Competências Socioemocionais são as habilidades e atitudes que adultos e crianças aprendem e colocam em prática no dia a dia. Ou seja, é o conjunto de habilidades que o indivíduo possui para lidar com suas próprias emoções. 

Tais competências estão presentes no cotidiano de todas as pessoas. Além disso, elas têm um papel essencial na maneira que aprendemos, convivemos e trabalhamos. Sendo assim, elas estão presentes na formação do indivíduo, em todas as fases de desenvolvimento. 

Portanto, se você quer conhecer mais sobre as Competências Socioemocionais, o primeiro passo é entender que elas são essenciais para a nossa vida. Para saber mais informações, continue a leitura. 

competências socioemocionais

Coloque suas habilidades em prática nos melhores cursos que a Estácio oferece!

Em que contexto as Competências Socioemocionais surgiram?

Primeiramente, a maioria das pessoas sabe que o século 21 é marcado pela globalização, o que vem impactando em grandes medidas na maneira em que vivemos. Até porque, não só o mercado mudou, mas a nossa maneira de nos comunicarmos. 

Atualmente, diante de um mundo moderno, os indivíduos precisam enfrentar novos desafios em seu cotidiano. E esse é um fato principalmente para os protagonistas de nosso futuro: os jovens estudantes. 

Porém, com o constante avanço da tecnologia, assim como o surgimento de novas profissões, a questão humana está sendo cada dia mais debatida. Todos os indivíduos são complexos e, para que tenham um bom desenvolvimento pessoal e profissional, estratégias são necessárias. 

Por esse motivo, novas modalidades de ensino e aprendizagem foram desenvolvidas, tornando esse processo flexível para todos. Então, para conseguir uma educação assertiva, as Competências Socioemocionais foram desenvolvidas. 

O que são as Competências Socioemocionais?

Para preparar os jovens estudantes para o futuro, a aplicação de exercícios, repetições e mais avaliações não é suficiente. 

Afinal, no século 21, o modelo tradicional de ensino ficou para trás. Hoje é necessário seguir um mundo onde os jovens sejam protagonistas de seu futuro. 

Todos os seres humanos são complexos. E, para que o desenvolvimento seja completo, os métodos e estratégias de ensino devem ser flexíveis e abrangentes. Para conseguir essa educação assertiva, as Competências Socioemocionais são necessárias. 

Afinal, quando os seres humanos desenvolvem essas competências, eles aprendem e colocam na prática as habilidades para controlar suas emoções. Dessa maneira, é possível alcançar seus objetivos, tomar decisões assertivas, ter empatia e relações positivas com os seres ao seu redor. 

Quando as Competências Socioemocionais são abordadas, as práticas pedagógicas são mais assertivas e eficazes. Além disso, é possível mostrar para as crianças quais caminhos garantem uma vida mais positiva, e quais não. 

Vale ressaltar que essa nova visão não significa que o desenvolvimento do aprendizado cognitivo deva ser deixado de lado. Afinal, elas estão ligadas, indiretamente, com o desenvolvimento das Competências Socioemocionais. 

competências socioemocionais

Quais são essas competências? 

Como citado anteriormente, as Competências Socioemocionais são um conjunto de habilidades aprendidas e colocadas em prática por crianças e adultos, que auxiliam no relacionamento interpessoal.

Existem algumas competências essenciais para os seres humanos, já que estão ligadas com o seu processo de desenvolvimento. Confira, a seguir, quais são essas competências e qual sua importância:

  • Autoconhecimento: Para que os indivíduos possam ter controle sobre si mesmo e suas emoções, o autoconhecimento é necessário. Quando as pessoas sabem se auto interpretar, é um grande passo para alcançar seus objetivos pessoais.
  • Autoestima: A Autoestima é uma competência que está ligada com o autoconhecimento. Quando os indivíduos a possuem, é possível entender quais pontos sobre si mesmo devem ser trabalhados. 
  • Autonomia: Assim como a Autoestima, a Autonomia está ligada com o Autoconhecimento. Essa competência é essencial para os indivíduos tomarem suas próprias decisões. 
  • Comunicação: Como a maioria das pessoas imagina, a competência da Comunicação está relacionada com a forma que os indivíduos se expressam. Quando ela é desenvolvida, é possível se comunicar de maneira assertiva, segura e direta. 
  • Criatividade: Atualmente, a Criatividade é uma das competências mais valorizadas. Ao desenvolvê-la, é possível estimular o pensamento crítico, buscando a melhor solução para os desafios do cotidiano. 
  • Empatia: De maneira geral, a Empatia é a habilidade de se colocar no lugar dos outros. Quando os indivíduos têm essa competência desenvolvida, ele é aberto ao diálogo e a cooperação. 
  • Ética: Essa competência está ligada com a forma que os indivíduos avaliam suas condutas, ou a do outro, levando em consideração os valores da sociedade, sabendo diferenciar o que é bom e o que não é. 
  • Felicidade: A Felicidade é mais uma competência socioemocional. Ela está ligada com o ato de nos sentirmos bem com diversos fatores sociais, emocionais e psíquicos. 
  • Paciência: Antes de mais nada, é importante dizer que a Paciência pode ter diversas visões. Nesse caso, ela está ligada com a capacidade do autocontrole, principalmente em situações complexas do dia a dia. 
  • Responsabilidade: A Responsabilidade é mais uma competência socioemocional que mostra que todas as atitudes possuem consequências, tanto para si mesmo quanto para os outros. 
  • Sociabilidade: Por fim, essa competência é fundamental para conviver com os outros. Através do respeito, harmonia e diálogo, o convívio em sociedade será saudável.